Casamentos Casa & Decor 15 anos

Navegue como ou

7 dicas para clicar uma sessão de “smash the cake” caseira

A sessão fotográfica “smash the cake” é especial e marca, geralmente, o primeiro aniversário do até então bebê. Ele saiu recentemente do leite, começou a papinha de frutas, a salgada e essa é uma forma criativa de celebrar e registrar a primeira experiência da criança ao experimentar o sabor do açúcar! No ensaio smash a ideia é deixar a criança e o bolo a sós e deixá-la livre para descobrir o que é um bolo, fazer bagunça que quiser, se lambuzar, botar o pé no bolo e brincar como se fosse uma massinha comestível!

Claro que nem sempre a criança curte muito a experiência das mãos sujas ou do gosto forte. Eu mesma já fotografei algumas (muitas) crianças que choraram durante a sessão smash. Se a criança não está acostumada a brincadeiras mais intensas, digamos, com as de pintura com a mão, areia molhada, etc, o risco disso acontecer é altíssimo! Mas vale, claro, guardar para sempre toda e qualquer reação, e porque não, até o choro! Eles ficam fofos do mesmo jeito, não é verdade?

Para te ajudar a produzir e fotografar sua própria sessão de smash the cake em casa, seguem algumas dicas:

1- O bolo: Compre um bolo bonito e colorido, que tenha cobertura de merengue ou algo bem macio e fofinho para que a criança tenha facilidade de pegar já no primeiro contato. Não vale pasta americana! É duro e a criança não vai conseguir mergulhar a mãozinha com facilidade e vai perder o interesse.

2- É bom mesmo? Experimente para saber se é gostoso mesmo. Dificilmente as crianças vão gostar de um bolo “mais ou menos”, sem muito sabor. Costumo achar que se eu não gostei de alguma coisa, a chance é grande dos meus filhos também não gostarem.

3- Onde clicar: Para fotografar, separe um cantinho da sala ou quarto que tenha um trecho de chão e a parede livres de objetos. Uma parede branca, com rodapé e o chão (madeira, porcelanato) são suficientes para um cenário clean e bonito! Busque um cantinho próximo à janela para entrar luz natural.

Se preferir, as fotos podem ser feitas em algum parque. Escolha um cantinho onde não dê para ver pessoas passando ao fundo e que não tenha luz direta. Nesse caso, leve uma toalha ou manta neutra ou na cor que gostar e que combine com o bolo.

4- Decoração: Um prato de bolo com pé é o ideal para deixar o bolo na altura da criança. Se quiser incrementar um pouquinho, compre alguns balões de gás (uns seis no máximo) ou use os comuns mesmo, sem gás. Você pode colá-los com fita durex no chão. Vai ficar super fofo!

No caso da sessão acontecer no parque, você pode levar letrinhas do nome da criança se gostar ou algum item de decoração do quartinho para compor a cena.

5- O que vestir: Eu recomendo um body simples banquinho ou de cor clara. E preferir arriscar um pouquinho mais, um short com suspensório para os meninos fica fofíssimo e uma saia ou vestido claro e simples para as meninas também funciona super bem!

6- Como clicar: Escolha um horário em que o cantinho receba luz indireta. Ou seja: que não bata o sol forte no bolo ou no bebê. Ah, não use o flash nem acenda a luz de casa! Se tem luz natural entrando não é necessário e vai confundir a câmera, deixando tudo meio amarelado.

7- Alguns cliques importantes: Gosto de clicar o cenário pronto antes de colocar o bebê. Depois um clique com o bebê perto do bolo. Pode ser em pé mesmo ou já sentado pronto pro ataque. Tem que ser rápido! rs. A partir daí deixe rolar e clique cada descoberta. É muito divertido! Alguns cliques importantes: close no rosto para registrar algumas reações; mãozinha mergulhada no bolo, e mão lambuzada de bolo!

Cada criança vai ter uma reação diferente e tempo de interação diferente com o bolo. Precisa ser rápido para não perder a brincadeira! E divirta-se! É uma lembrança deliciosa de guardar em fotos e no coração.

Apaixonada por registrar lindos momentos, Mel AlbuquerqueFornecedoresMEL ALBUQUERQUEFotografiaSão Paulo (Capital)Leia mais fez seus primeiros cliques ainda pequena, brincando aos oito anos. As fotos ainda existem e compõem ao lado das atuais, o portfólio da fotógrafa que se especializou em ensaios de família e bebê. Por aqui, Mel compartilha seus conhecimentos técnicos e experiências como mãe-fotógrafa!

Veja também: 10 cenas e momentos para fotografar na hora do parto

E mais: Caixinha do tempo: uma maneira divertida de guardar fotos de família

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *