Casamentos Casa & Decor 15 anos
Topo

Navegue como ou

O bê-a-bá das mamadeiras

A Sociedade Brasileira de Pediatria não recomenda o uso de mamadeiras, alertando que as mães que não tenham condições de amamentar seus filhos devem recorrer aos copos desde cedo. No entanto, a mamadeira ainda é o item mais utilizado. E para ajudar na escolha, pedimos para a dra. Patrícia Almeida, fonoaudiologista da Pro Matre Paulista, algumas dicas valiosas para preservar a saúde do bebê.

MODELOS E MATERIAIS

“Existem as de vidro, plástico e até descartável. Não há regra para o uso de cada uma, o importante é avaliar a necessidade de cada mãe e, de acordo com a escolha, ter atenção aos materiais”, explica a dra. Patrícia. E como os modelos plásticos são os mais usados, ela faz um alerta importante. “Eles devem ser BPA free (Bisfenol A). Desde 01/01/2012, por determinação da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), está proibida a fabricação e comercialização de mamadeiras com a presença desta substância.”

Aproveitamos para pedir à nutricionista e nossa colunista dra. Karina Al Assal que esclareça o risco do Bisfenol A. “Diversos estudos mostram que essa substância pode provocar câncer, influenciar a má formação de órgãos masculinos do feto, ser responsável por puberdade precoce em meninas e até causar hiperatividade.”

BICOS

Os bicos também precisam de cuidados. O mais importante é respeitar o fluxo de alimento que o bebê consegue ingerir em cada fase, e nunca alargar os furos para facilitar a saída do alimento. Isto pode causar sérios riscos de engasgos. Os modelos anti-cólica e refluxo podem ajudar, mas não anulam o risco. “Elas propõem menor ingestão de ar, porém, não há comprovações científicas sobre a eficácia contra o refluxo”, explica Patrícia.

DESIGN

Já quando o assunto é o design, ela tem algumas ressalvas. “Sugiro não ter enfeites em alto relevo, nem penduricalhos. Eles podem trazer riscos do bebê ingerir.”

HIGIENE

O leite é rico em nutrientes, mas também em bactérias, portanto, a higienização da mamadeira precisa ser feita sempre que for utilizada. O método mais comum é utilizar água e sabão, e ferver o bico e a mamadeira por cerca de 5 minutos. Esterilizadores, secadores e escovas próprias podem facilitar o processo. E como o processo leva tempo, o ideal é que a mãe tenha, pelo menos, três mamadeiras.

Abaixo, selecionamos alguns modelos disponíveis no mercado, bem como acessórios que podem facilitar a vida dos pais.

MAMADEIRAS:

cz-babies-kids-mamadeiras-comprinhas-lista-moodboard-1-1

1. bico semelhante ao seio materno | 2. de plástico e bico de silicone tradicional | 3. modelo ergonômico e bico de silicone para fluxo baixo | 4. de plástico e bico ortodôntico | 5. de vidro 

ACESSÓRIOS:

cz-babies-kids-mamadeiras-comprinhas-lista-moodboard-2

1. aquecedor instantâneo para viagem | 2. aquecedor elétrico | 3. secador | 4. termômetro | 5.  mixer portátil | 6. esterilizador | 7. escova | 8. bolsa térmica

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *