Casamentos Casa & Decor 15 anos
Topo

Navegue como ou

Dicas da fotógrafa Mel Albuquerque para acertar na luz

Tenho recebido muitos pedidos de ajuda de mães e pais sobre como melhorar fotos feitas pelo celular. Eu mesma tenho usado muito o meu celular e vejo como as pessoas ficam surpresas com o resultado, mesmo usando o mesmo iPhone que eu. Com algumas dicas e técnicas simples, é possível, sim, melhorar, e muito, as fotos feitas com celular.

Como há muitas possibilidades, inclusive de tratamento de imagem, decidi focar hoje no que considero principal numa foto: a luz!

Vamos considerar que você esteja em casa e queira fazer algumas fotos das crianças ou da família reunida.

DICAS SIMPLES

O lugar: Escolha um lugar próximo à janela. Posicione seu filho de frente ou de lado para a janela. Não precisa ser muito próximo, não.

Ajuste a luz natural: Caso esteja um dia com muito sol e a luz esteja forte, como é o caso da luz do meio dia, e a cortina seja fininha ou tipo voal, feche essa cortina. Assim o ambiente continua bastante claro e a luz fica mais bem distribuída.

Foto com interferência de luz natural

Sem interferências: Minha última dica para hoje é bobinha, mas SUPER importante: não acenda a luz de casa! Use apenas a luz natural da janela. A luz amarela da nossa casa confunde a câmera e acaba deixando a pele amarelada. Isso serve para fotos de celular ou com a câmera, mesmo.

Se o ambiente não estiver claro o suficiente, se aproxime um pouco mais da janela e abra todas as cortinas. Ah, e use o recurso que já conversamos aqui, aquele solzinho (no caso do iPhone) que aparece quando encostamos na tela. Basta arrastá-lo pra cima quando achar que precisa clarear um pouco.

Foto com interferência de lâmpada halôgena, de casa. Percebam como a pele fica amarelada

E, claro, animação! Não chame as crianças para “tirar fotos”. Apenas chame para alguma brincadeira e torne o momento especial e alegre.

Suas fotos vão ficar LINDAS!

Apaixonada por registrar lindos momentos, Mel AlbuquerqueFornecedoresMEL ALBUQUERQUEFotografiaSão Paulo, São Paulo (Capital)Leia mais fez seus primeiros cliques ainda pequena, brincando aos oito anos. As fotos ainda existem e compõem ao lado das atuais, o portfólio da fotógrafa que se especializou em ensaios de família e bebê. Por aqui, Mel compartilha seus conhecimentos técnicos e experiências como mãe-fotógrafa!

Veja também: 10 cenas e momentos para fotografar na hora do parto

E mais: Caixinha do tempo: uma maneira divertida de guardar fotos de família

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *